Área de produção de sementes é implantada em Alagoas
por Agência Brasil - publicado em 18/10/2017 às 09:10

O grupo Santana de Sementes, do Rio Grande do Norte, escolheu Alagoas para a implantação de uma área de sementes de feijão, milho, sorgo, feijão e milheto, nas fazendas Serafim e Santa Rita, no município de Anadia. E, nesta quinta-feira (19), ocorrerá uma visita técnica para apresentação da área, a partir das 8 horas.

O evento, que será apresentado pelo produtor Ivanilson Araújo, do grupo Santana Sementes, será destinado aos produtores rurais de Alagoas, gestores, pesquisadores, estudantes, técnicos do Instituto de Pesquisa Agropecuária, além dos secretários da Agricultura do Rio Grande do Norte, da Paraíba e de Alagoas.

Esta iniciativa, de produção de sementes para plantio de grãos, é a primeira a ser implantada no estado de Alagoas em volume de escala. Trata-se de um incentivo da Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura (Seagri) e da articulação do Programa de Incentivo à Produção de Grãos em Alagoas.

Para o secretário de Estado da Agricultura, Álvaro Vasconcelos, os investimentos que vêm sendo feitos na área de produção de sementes pelo grupo Santana fazem parte das ações da política de diversificação das atividades agrícolas implantada pelo Governo de Alagoas, com apoio e incentivo.

A área utilizada no município de Anadia também tem espaço para ser replicada, inclusive, com outras espécies, como milho, soja, arroz e algodão.

Como explica o superintendente da Seagri, Hibernon Cavalcante, a área de produção de sementes é considerada um marco, uma vez que, pela primeira vez no Estado, serão produzidas sementes em escala, o que vai servir para abastecer parte das necessidades de Alagoas, como para o mercado regional.

Compartilhe
Comente esta notícia
0 Comentários
Publicidade
Publicidade